Ir para o conteúdo
  MENU

Município de Santarém

Página principal

Noticias

Santarém promove discussão pública para a requalificação do Campo Infante da Câmara

A Regeneração e Revitalização do Campo Infante da Câmara vai estar em discussão pública de 7 a 28 de fevereiro no Teatro Sá da Bandeira. Durante este período, o Município...

Read more

Noticias

Aviso: Corte da via direita da EN3 no sentido ascendente Cartaxo-Santarém

No âmbito da empreitada de “Conservação e Manutenção das Estradas do Concelho”, o Município de Santarém informa que, de 1 a 3 de fevereiro, a via direita da EN3, no senti...

Read more

Noticias

Inscrições abertas para o Seminário da ASSP “Políticas e Desafios Educacionais - A Escola em Transformação”

A ASSP - Associação de Solidariedade Social dos Professores – Delegação de Santarém e o Município de Santarém informam que estão abertas as inscrições para o Seminário “P...

Read more

Noticias

Santarém recebe exposição 50 Anos de Expresso

A exposição 50 Anos de Expresso chega a Santarém no próximo dia 9 de fevereiro, ao Jardim da Liberdade, onde permanece durante duas semanas. Numa ação de proximidade com...

Read more

Noticias

Santarém apresenta temporada na Monumental Celestino Graça

A Associação Sector 9 apresentou este sábado, 28 de Janeiro, pelas 11h30, os cartéis que compõem a temporada na Monumental Celestino Graça, no Largo do Seminário em Santa...

Read more

Agenda

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
7
8
24
25
26
27
28

”O Punho”, Escolas de Mulheres Oficina de Teatro

Teatro Sá da Bandeira
Data: 2022-03-04 21:30 - 23:30

Local: Teatro Sá da Bandeira

”O Punho”, Escolas de Mulheres Oficina de Teatro

Teatro | Sex, 4 mar | 21h30 | Teatro Sá da Bandeira | Classificação Etária M/14 | Duração 01h30 | Preço 7,5€ (verificar descontos)
Bilhetes à venda no TSB, na BOL e nas lojas Worten, CTT e FNAC.
Horário de bilheteira física (Teatro Sá da Bandeira) de terça a sexta-feira 11h - 14h
A bilheteira abre 1 hora antes da sessão.
Espetáculo inserido na Celebração do Dia Mundial do Teatro - Março, Mês de Teatro, em Santarém
Na derradeira peça de Bernardo Santareno (1980), O Punho, o motor central da ação é a luta de classes no contexto da Reforma Agrária no Alentejo. As duas personagens principais – a camponesa Maria do Sacramento e a latifundiária D. Mafalda são, simultaneamente, protagonistas e antagonistas. Duas mulheres fortíssimas em lados opostos da barricada e que são das mais belas e comoventes personagens do teatro português.
A ação passa-se no antes, durante e depois da Reforma Agrária – 3 anos. Este período marcante e fraturante da história de Portugal dos anos 70 e que, atualmente, quase se tornou um tabu, é aqui transposta para a cena teatral sem maniqueísmos, ressalvando a humanidade das personagens levadas a agir pelo seu sentido de classe, pelo sofrimento e pelos afetos.
Um Coro trágico vai sublinhando ou suscitando a ação à maneira dos Gregos.
Espetáculo inserido nas Comemorações Nacionais do Centenário de Bernardo Santareno | 69ª produção Escola de Mulheres
Biografia
A ESCOLA de MULHERES -OFICINA DE TEATRO, cujo nome foi beber inspiração à peça de Molière “L’école des femmes”, foi criada em 1995 em Lisboa por um conjunto de mulheres de gerações diferentes e experiências diversas e reconhecidas mas com o sentimento comum do papel de subalternidade a que a mulher tem sido reduzida no Teatro português, quer na condução dos processos criativos, na política de repertórios ou no relacionamento com os poderes instituídos, bem como, de um modo geral, nas tarefas que envolvam poder de decisão.
A 8 de março de 1995 a ESCOLA de MULHERES apresentou publicamente o seu manifesto por ocasião de um espetáculo a partir de textos de autoras portuguesas e que decorreu na Sociedade Portuguesa de Autores.
A Direção Artística da Escola de Mulheres está a cargo de MARTA LAPA e RUY MALHEIRO, desde agosto de 2020, após o falecimento da sua cofundadora e mentora FERNANDA LAPA, atriz e encenadora, que nos deixa um legado indiscutível no panorama das artes e do teatro a nível nacional.
Fernanda Lapa foi um elemento basilar, desde a fundação da companhia, na idealização, concretização e afirmação de uma linha artística de qualidade, assente no Manifesto da Escola de Mulheres (1995) que visou sempre enaltecer o trabalho das mulheres nas artes, em geral e no teatro em particular (autoras; encenadoras; atrizes; dramaturgas; tradutoras; técnicas; produtoras; etc), para além de ter sempre feito refletir nas suas produções problemáticas transversais a toda a sociedade como as questões de género, da desigualdade social, entre outras. Seria expectável que passados 26 anos, todas essas questões levantadas pelo grupo de mulheres que fundou a Escola de Mulheres, estivessem menos presentes no panorama das artes e da sociedade em Portugal, por já não serem necessárias, contudo elas mantêm-se e são ainda mote de continuidade e afirmação.
Neste contexto é nossa intenção manter viva a companhia e os pressupostos da sua criação. Pretendemos manter a criação de projetos artísticos com textos inéditos, com especial relevância na dramaturgia no feminino, em espetáculos de qualidade, com a colaboração de profissionais cujo percurso lhes conferem, como sempre na história da companhia, uma garantia de rigor e profissionalismo. Da mesma forma que é nosso objetivo manter uma política de dinamização do nosso espaço, no Clube Estefânia, com uma oferta programática regular, eclética e de qualidade, com especial destaque no acolhimento de companhias e artistas emergentes que têm maiores dificuldades em aceder aos equipamentos culturais da cidade, para apresentação dos seus projetos.
O futuro é de continuidade assente no reforço do reconhecimento do percurso artístico de Marta Lapa e Ruy Malheiro, com a colaboração de novos criadores e criadoras, cujo trabalho artístico toca e se identifica com o projeto artístico da Escola de Mulheres.
 
Texto a partir de “O Punho” de Bernardo Santareno | Versão cénica Fernanda Lapa | Direção artística Marta Lapa e Ruy Malheiro | Espaço cénico Fernanda Lapa, Marta Lapa e Ruy Malheiro | Figurinos Coletivos | Música Janita Salomé | Desenho de luz Paulo Santos | Intérpretes e cocriadores Maria d’Aires, Margarida Cardeal, André Levy, Marta Lapa, Vitor Alves da Silva, Vitor de Almeida, Hugo Nicholson e Ruy Malheiro | Execução cenográfica (seara de trigo) Marta Fernandes da Silva | Fotografia de cena Valério Romão | Registo e edição vídeo José Manuel Marques | Design gráfico OC Design | Operação técnica Sofia Costa | Assistência de cenografia Sabrina Martinho e Yvette Barthels | Direção de produção e comunicação Ruy Malheiro | Produção executiva Telma Grova
Apoios SPA – Sociedade Portuguesa de Autores / AGECOP – Associação para a Gestão da Cópia Privada | Câmara Municipal de Lisboa | MDM – Movimento Democrático de Mulheres | PCP – Partido Comunista Português
Agradecimentos Sandra Benfica, Sérgio Moras, Ricardo Trindade, Maria da Luz Cruz, Miguel Soares, José Anjos
Normas COVID-19
De acordo com o comunicado do Conselho de Ministros de 6 de janeiro 2022 e da atualização de 9 de janeiro da Orientação n.º 28 da DGS, é obrigatória a apresentação do Certificado COVID-19 da EU, nas modalidades de certificado de vacinação, de teste ou de recuperação, ou da apresentação de comprovativo de realização laboratorial, de teste com resultado negativo válido.
- Comprovativo de teste PCR, com uma antecedência de 72 horas;
- Comprovativo de teste rápido antigénio (TRAg), com uma antecedência de 48 horas.
- Autoteste, não fornecido pelo espaço, com resultado negativo, realizado no momento, à porta, sob supervisão e verificação dos trabalhadores responsáveis pelo acesso a este espaço.
Uso obrigatório de máscara | Desinfeção das mãos à entrada | Respeitar o distanciamento social | Respeitar os circuitos de circulação.

 

 

Todas as datas


  • 2022-03-04 21:30 - 23:30
 

Contactos

  • Município

  • Freguesias

  • Empresas Municipais

  • Segurança

  • Saúde e Serviços Sociais

  • Serv. Judiciais

  • Serv. Públicos

  • Serviço de Higiene e Limpeza

     800 207 776

  • Serviços de Cemitérios

     243 352 034
     

  • Casa Pedro Álvares Cabral/Casa do Brasil

    243 304 652

  • Posto de Turismo

     243 304 437
     

  • Biblioteca Municipal Braamcamp Freire

    243 330 240 
     

  • Divisão de Ação Social e Saúde

     243 304 400

  • BLV- Banco Local de Voluntariado

     243 304 400
     

  • Serviço de Atendimento a Familiares e a Doentes de Alzheimer

    243 304 400

  • Câmara Municipal de Santarém

    243 304 200

  • Programa Rede Social – CLASS

     243 304 424
     

  • Gabinete de Psicologia da Criança e do Adolescente

     243 304 400
     

  • Gabinete de Apoio ao Imigrante e Minorias Étnicas

     243 304 400

  • Secção de Receitas

     243 304 217
     

  • Tesouraria

     243 304 214
     

  • Divisão de Espaços Públicos e Ambiente

    243 304 200

  • Divisão de Planeamento e Urbanismo

    243 304 627 / 243 304 622

  • Divisão de Educação e Juventude

    243 304 400

  • Ambiente e Sustentabilidade - Equipa Multidisciplinar de Ação para a Sustentabilidade

    243 304 450

  • Serviço de Atendimento da Divisão de Ação Social e Saúde

    243 304 400

  • Divisão de Planeamento e Projetos

    243 304 252 / 243 304 240

  • Divisão de Recursos Humanos e Administração

    243 304 203 / 243 304 249

  • NIAC - Núcleo de Informação Autárquica ao Consumidor

    . 243 304 408 
     

  • Serviço de Sanidade e Higiene Pública Veterinária

     243 304 230
     

  • Relações Públicas e Comunicação

    243 304 400

  • Assembleia Municipal de Santarém

    243 304 223
     

  • Gabinete Técnico Florestal

    243 333 122

    Seg, Qua e Sex: 09h30 às 12h30

  • Departamento Técnico e Gestão Territorial

    243 304 252 / 243 304 240

  • Sala de Leitura Bernardo Santareno

     243 304 649
     

  • Departamento de Administração e Finanças

    243 304 200

  • Sapadores Bombeiros

    243 333 122 / 243 333 091

  • Centro Local de Apoio à Integração de Imigrantes

     243 304 400/243 304 409

  • RLIS – Rede Local de Intervenção Social

     914 516 813

     

  • Casa do Ambiente

    243 304 216

  • Loja do Cidadão

    707 241 107

  • Teatro Sá da Bandeira

    243 309 460

     

  • Centro de Investigação Prof. Doutor Joaquim Veríssimo Serrão

    243 304 662

     

  • União de Freguesias da cidade de Santarém

    243 321 531

  • Junta de Freguesia de Gançaria

    243 405 164

  • União das freguesias de Casével e Vaqueiros

    243 441 253

  • União das Freguesias de Azoia Cima e Tremês

    243 479 923

  • Junta de Freguesia de Moçarria

    243 499 592

     

  • Junta de Freguesia de Póvoa da Isenta

    243 769 350

  • União das Freguesias de São Vicente do Paúl e Vale de Figueira

    243 441 857

  • Junta de Freguesia de Arneiro das Milhariças

    243 449 807

  • Junta de Freguesia de Vale de Santarém

    243 769 614

  • União das Freguesias da Romeira e Várzea

    243 469 758

  • Junta de Freguesia de Pernes

    243 440 570 

     

  • Junta de Freguesia de Amiais de Baixo

    249 870 787

  • União Freguesias de Achete, Azoia Baixo e Póvoa Santarém

    243 469 555

  • Junta de Freguesia de Abrã

    243 400 548

     

  • Junta de Freguesia de Alcanede

    243 400 313

  • Junta de Freguesia de Abitureiras

    243 469 599

  • Junta de Freguesia de Alcanhões

    243 429 794

  • Junta de Freguesia de Almoster

    243 491 404

  • Pavilhão e Nave Desportiva Municipal

     243 300 908

  • A.S. - Empresa das Águas de Santarém - EM, S.A.

    243 30 50 50

  • Piscinas do Sacapeito

     243 300 905

  • Complexo Aquático Municipal

     243 300 900
     

  • Viver Santarém

    243 300 900

     

  • Proteção Civil Municipal

    243 333 122/ 243 333 091

  • Sapadores Bombeiros

     243 333 122 / 243 333 091 

  • Polícia de Segurança Pública

    243 322 022

  • Guarda Nacional Republicana Brigada 2 - Grupo Territorial de Santarém

    243 300 070

     

  • Bombeiros Voluntários De Santarém

    243377900

     

  • Serviço Municipal de Proteção Civil

    800 222 122

  • Hospital Distrital de Santarém

     243 300 200 

  • Centro Regional de Segurança Social

    243 330 400

  • Administração Regional de Saúde

    243 300 700

  • Unidade de Saúde Familiar do Planalto (Centro de Saúde de Santarém)

    243 303 231/32/33 

  • Unidade de Saúde familiar de S. Domingos (C.S. Santarém)

    243 330 600/601

  • Santa Casa da Misericórdia de Santarém

    243 305 260

  • Cruz Vermelha Portuguesa

     243 323 374
     

  • APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima

    243 356 505

     

  • GAV - Gabinete de Apoio à Vítima de Santarém

    243 356 505

  • Procuradoria da Instância Local Criminal de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Instrução Criminal de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central Criminal de Santarém

    243 305 150

  • DIAP

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central do Trabalho de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central Cível de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria do Tribunal da Concorrência, Regulação e Supervisão

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Comércio de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Família e Menores de Santarém

    243 305 150

  • CTT – Estação

    243 309 730

  • Portugal Telecom, Comunicações S.A.

    243 500 900

  • EDP - LTE - Eletricidade de Portugal

    808 505 505 (linha comercial)

    800 506 506 (avarias

  • Rodotejo

    243 333 200

  • CP - Caminhos-de-ferro Portugueses

    243 333 180

    www.cp.pt

  • Museu Diocesano de Santarém

    243 304 065

  • Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas – CNEMA

    243 300 300